PERCEPÇÕES SOBRE O PIBID POR ALUNOS DE UMA ESCOLA PÚBLICA DO ENSINO MÉDIO

  • Cleber Henrique de Sousa Araújo Universidade Estadual Vale do Acaraú
  • Lucilene Silva Pereira Soares Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA)

Resumo

O presente trabalho objetivou compreender as principais concepções sobre o PIBID (Programa Institucional de Bolsas Iniciação à Docência) sob o olhar de alunos do ensino médio de uma escola pública. Foi analisada as possíveis formas que as ações dos Bolsistas de Iniciação à Docência do Subprojeto Biologia poderiam influenciar na formação dos alunos de escola básica. A produção científica não enfatiza a visão dos alunos do ensino básico e não deixa clara a real contribuição do Programa para esse nível de ensino. A coleta de dados foi realizada em uma escola de ensino médio, localizada na cidade de Massapê-Ceará. O público alvo foi composto por 17 alunos escolhidos aleatoriamente que responderam um questionário semiestruturado com 12 questões.  Entre os principais resultados, identificamos que, em geral, os alunos conhecem o PIBID, demonstram entender os objetivos do Programa, participam das atividades propostas pelos bolsistas, e entendem que se trata de uma ferramenta que pode auxiliá-los em diversos momentos, inclusive nas aulas de biologia, em testes externos e até na vida cotidiana. O Programa oferece aos estudantes de ensino médio, atividades que motivam, enriquecem o ambiente escolar de metodologias ativas que são atrativas aos alunos, permitindo a estes a oportunidade de entender conceitos que podem não terem sidos assimilados, tirando dúvidas e até mesmo reforçando o que estudaram em sala de aula.

Biografia do Autor

Cleber Henrique de Sousa Araújo, Universidade Estadual Vale do Acaraú
Licenciado em Ciências Biológicas pela Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA). Sobral, Ceará, Brasil.
Lucilene Silva Pereira Soares, Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA)
Doutora em Bioquímica pela Universidade Federal do Ceará (UFC). Professora Adjunto do Curso de Ciências Biológicas. Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA). Sobral, Ceará, Brasil.

Referências

AMBROSETTI, N.A.; NASCIMENTO, M.G.C.A.; ALMEIDA, P.A.; PASSOS, L.F. Contribuições do PIBID para a formação inicial de professores: o olhar dos estudantes. Educação em Perspectiva, Viçosa, v. 4, n. 1, p. 151-174, 2013.

BEZERRA, J.J.L.; SOUZA, F.F.; SILVA, J.V.F.; ALMEIDA NETO, J.X.; SANTOS, M.G. Aulas extracurriculares através do PIBID BIO: Estratégia para reforçar o ensino na preparação para o ENEM. In: II Congresso Nacional de Educação, 2015, Campina Grande - PB. Anais II CONEDU. Campina Grande - PB: Realize, v. 2. 2016.

BRASIL. Portaria normativa nº 260, de 30 de dezembro de 2010: Normas gerais do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência – PIBID. Disponível em: https://www.capes.gov.br/images/stories/download/legislacao/Portaria260_PIBID2011_NomasGerais.pdf>. Acesso em: 15 de mar. 2018

BRASIL. Portaria Normativa nº 38, de 12 de dezembro de 2007. Dispõe sobre o Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência – PIBID. Diário Oficial da União, n. 239, seção 1, p. 39, 2007.

BURCHARD, C.P.; SARTORI, J. Formação De Professores De Ciências: Refletindo sobre as ações do PIBID na escola. In: 2º Seminário sobre Interação Universidade/Escola. 2º Seminário sobre Impactos de Políticas Educacionais nas Redes Escolares. Santa Maria–RS: UFSM, p. 25-29, 2011.

CHIZZOTTI, A. Pesquisa qualitativa em ciências humanas e sociais. 4 ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 2011.

FONSECA, J.J.S. Metodologia da pesquisa científica. Fortaleza: UEC, 2002.

GATTI, B.A. A formação inicial de professores para a educação básica: as licenciaturas. Revista USP, São Paulo, n. 100, p. 33-46, 2014.

GATTI, B.A. Educação, escola e formação de professores: políticas e impasses. Educar em Revista. n. 50, p. 51-67, Editora UFPR, Curitiba. 2013.

HILGEMANN, C.M.; HAUSCHILD, A.C.; SCHMITT, F.E.; BERSCH, M.E.; FALEIRO, S.R.; GONZATTI, S.E.M. Vivências no PIBID: contribuições à formação docente. Revista destaques acadêmicos - CCHJ/UNIVATES. v. 5, n. 2, 2013.

LÜDKE, H. A. L. M.; ANDRÉ, M. E. D. A. Pesquisa em educação: abordagem qualitativa. 2. ed. São Paulo: EPU, 2013.

MASSENA, E.P.; SIQUEIRA, M. Contribuições do PIBID à Formação Inicial de Professores de Ciências na Perspectiva dos Licenciandos. Revista Brasileira de Pesquisa em Educação em Ciências. v. 16, n. 1, 2016.

MATTANA, S.D.; ZANOVELLO, R.; THEISEN, G. R.; MORESCO, T. R.; GARLET, M. B. Contribuições do PIBID na formação inicial: intersecções com os pontos de vista de licenciandos de Biologia. Revista do Centro do Ciências Naturais e Exatas - UFSM, Santa Maria Revista Eletrônica em Gestão, Educação e Tecnologia Ambiental. v. 18, n. 3, p.1059-1071, 2014. Disponível em: <https://periodicos.ufsm.br/index.php/reget/article/download/13837/pdf>. Acesso em 17 de mar. 2018.

MATTAR, F.N. Pesquisa de marketing: metodologia, planejamento, execução e análise, 2a. ed. São Paulo: Atlas, 1994.

NUNES, C.L.B.; ARAÚJO, C.P. Interação universidade e escola: reflexões sobre os impactos do PIBID nas escolas de educação básica. XIX Jornada de Pesquisa da UNIJUÍ, Ijuí-RS, 2014.

PAIVA, R.I.D.; SILVA, M.C.R.; LIMA, F.M.A. Professores em Formação: A Contribuição do PIBID para o graduando em Pedagogia. In: IV FIPED - Fórum Internacional de Pedagogia, 2012, Parnaíba - PI. Anais do FIPED. Campina Grande-PB: Realize Editora e Eventos Científicos, v. 01. 2012.

REBOUCAS FILHO, J.V.; BARBOSA, M.S.A.; LIMA, L.F.; PINHEIRO, H.B.; BRAGA, T.S.; SILVA, A.A.; PESSOA, C.A.N. Entre Desafios e Contribuições: O Olhar da Comunidade Escolar Sobre o PIBID. Revista de Ensino de Biologia da Associação Brasileira de Ensino de Biologia (SBEnBio), v. 9, p. 3825-3833, 2016.

ROSA, A.B. Aula diferenciada e seus efeitos na aprendizagem dos alunos: o que os professores de biologia tem a dizer sobre isso?. 2012.43 f. Monografia (Graduação em Ciências Biológicas) –Faculdade de Ciências Biológicas, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2012.

SANTIAGO, E.; BATISTA NETO, J. (orgs.). Prática pedagógica e formação de professores. Recife: EDUFPE, 2009.

SANTOS, J.P.; LEANDRO, M.C. Formação docente e a importância do PIBID para a escola de educação básica. In: V Encontro Nacional das Licenciaturas (ENALIC) e o IV Seminário Nacional do Pibid, 2014, Natal-RN. Professores em espaços de formação: mediações, práxis e saberes docentes. Natal-RN: EDUFRN, 2014.

SCHROEDER, E.; ADRIANO, G.A.C. Compreensões dos bolsistas de Iniciação à Docência/PIBID sobre Clubes de Ciências, ciência e o seu processo de formação inicial. Revista Brasileira de Ensino de Ciência e Tecnologia. v. 8, p. 101-114, 2015.

SILVA, A.L.; ARAÚJO, L.A.F.; SILVA, V.G. A importância do PIBID para o estímulo de aulas diversificadas no ensino básico. XVII Simpósio de biologia SIMBIO: Impactos Ambientais, Quirinópolis – GO, 2016. Disponível em: <http://www.anais.ueg.br/index.php/cepe/article/download/8135/5577>. Acesso em: 20 maio de 2018.

SILVA, J.A.; SILVA, G.M.S; FRANCISCO, M.L.; AZÊVEDO, E.L.; DIAS, M.A.S. Importância do PIBID para os alunos do ensino médio. In: Congresso Internacional de Educação e Inclusão: Práticas Pedagógicas, Direitos Humanos e Interculturalidade. Campina Grande – PB. 2014.

SOUSA, R. V.; BARRETO, L.P.; ANDRADE, A; ABDALLA, D. Ensinando e aprendendo conceitos sobre a ciência da computação sem o uso do computador: Computação Unplugged. Práticas em Informática na Educação: Minicursos do Congresso Brasileiro de Informática na Educação, v. 1, n. 1, João Pessoa-PB, 2010.

STANZANI, E.L.; BROIETTI, F.C.D.; PASSOS, M.M. As Contribuições do PIBID ao Processo de Formação Inicial de Professores de Química. Química nova na escola. v. 34, n° 4, 2012.

Publicado
2019-01-31
Seção
Ciências da Educação