JOGO DIDÁTICO COMO ESTRATÉGIA PARA O ENSINO DE DIVISÃO CELULAR

  • Isabel Cristina Pinto Martins Universidade Estadual Vale do Acaraú, UVA
  • Petrônio Emanuel Timbó Braga Universidade Estadual Vale do Acaraú, UVA

Resumo

É cada vez mais comum a utilização do lúdico como forma de enriquecimento do aprendizado e nesse sentido se faz uso de jogos de tabuleiro. O presente trabalho teve como objetivo desenvolver e avaliar o uso de um jogo de tabuleiro denominado de “Na Trilha da Divisão Celular”, como estratégia educativa, a fim de conduzir alunos do ensino médio nos processos de construção e apropriação de conhecimentos sobre a divisão celular. O trabalho foi realizado na Escola de Ensino Médio Priscila Maciel da França, em Hidrolândia, Ceará, Brasil. Elaborou-se um questionário de dez perguntas abertas e fechadas sobre o referido tema, o qual foi aplicado antes da execução do jogo (pré-teste) e após aplicação do jogo (pós-teste) para análise do desempenho dos alunos. As atividades foram realizadas com 77 alunos, sendo 25 alunos de 1° ano, 27 de 2° ano e 25 de 3° ano no turno matutino. A análise dos dados foi feita por base das respostas dos alunos no pré e pós-testes, com a finalidade de comparar os erros e acertos dos alunos antes e após aplicação do jogo.

Biografia do Autor

Isabel Cristina Pinto Martins, Universidade Estadual Vale do Acaraú, UVA

Graduada em Ciências Biológicas, Modalidade de Licenciatura, Campus da Betânia, UVA, Sobral, Ceará.

Petrônio Emanuel Timbó Braga, Universidade Estadual Vale do Acaraú, UVA

Professor Associado da Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA). Pós-doutorado no Departamento de Biologia na Universidade de Évora-UEVORA/Portugal. Engenheiro Agrônomo, Mestre e Doutor em Agronomia/Fitotecnia pela Universidade Federal do Ceará-UFC. .

Publicado
2015-08-06
Seção
Ciências Exatas e da Terra